15 de fev de 2011

parafraseando Los Hermanos.



“de onde vem a calma daquele cara? Ele não sabe ser melhor, viu. Como não entende de ser valente ele não saber ser mais viril...”

Na minha opinião essa musica fala sobre Jesus, e toda sua saga. A personificação do ser perfeito, que nada o corrompe, nada o abala que com a palavra ele manifesta toda sua “raiva”. Em lugar cheio de conflitos e desordem, ele foi enviado para apaziguar  as coisas, mas pelo visto não deu muito certo.

"...é o mundo queue anda hostil. O mundo todo é hostil..."

Se o mundo andava hostil mesmo, ficou pior depois. Certa vez eu li que em todos os lugares por onde Jesus passou, desde então só ouve guerra, doenças, miséria. Ainda bem que não tinha avião naquela época , já pensou se ele visitando a Piauí?

"... de onde vem o jeito tão sem defeito que esse rapaz consegue fingir? Olha esse sorriso tão indeciso tá se exibindo pra solidão. Não vão embora daqui Eu sou o que vocês são, não solta da minha mão ..."

'Uma pessoa é inteligente, o povo é burro'. Foi isso que aconteceu no final da vida de Jesus, quando foi dado o poder de escolher quem não iria morrer na cruz, o povo escolheu Barrabás. Escolheram o assassino/ladrão no lugar do Salvador. E com o tempo as pessoas continuam as mesmas e com a mesma inteligência.

"... eu não vou mudar não eu vou ficar são. Mesmo se for só não vou ceder Deus vai dar aval sim, o mal vai ter fim e no final assim calado eu sei que vou ser coroado rei de mim."

"Pai, perdoai-os porque eles não sabem o que fazem." E pelo jeito ainda não sabem. Depois de sua morte foi que começou tudo, os conflitos, os genocídios, as mortes, tudo em nome da religião. Não consigo crer em um Deus que quer ser louvado e adorado todo tempo. Acredito no Deus de Spinoza, que se revela na harmonia ordenada daquilo que existe, não num Deus que se preocupa com os destinos e as ações dos seres humanos. Se por 'Deus' se quer dizer o conjunto de leis físicas que governam o universo, então é claro que esse Deus existe. É um Deus emocionalmente insatisfatório [...] não faz muito sentido rezar para a lei da gravidade.





2 comentários:

  1. Jerlley, vai ser bom escritor lá longe...
    poxa vida.
    me encantei com isso, realmente a letra tem tudo haver!
    adorei, seu mané inteligente ^^

    ResponderExcluir
  2. Ah Nádia, que nada ainda to aprendendo a escrever,
    Mané, né? =D

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...